» Atuação pedagógica do TCE/TO é destaque durante abertura do Ano Legislativo


Atuação pedagógica do TCE/TO é destaque durante abertura do Ano Legislativo

5 Visualizações

Publicado: 6 de fevereiro de 2024 – Última Alteração: 6 de fevereiro de 2024

Sessão foi realizada na Assembleia Legislativa e marca o início dos trabalhos de 2024

“Nós temos a compreensão do quanto o Tribunal de Contas hoje não é apenas um órgão fiscalizador, é um órgão de orientação dos poderes, que faz palestra, que nos orienta sobre aquilo que nós podemos e não podemos fazer, e isso facilita o trabalho dos gestores em todas as esferas”, destacou o governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa, durante Sessão de abertura do Ano Legislativo de 2024 realizada na manhã desta terça-feira, 6, na Assembleia Legislativa do Tocantins (ALETO). 

Citando o presidente da Corte, conselheiro André Luiz de Matos Gonçalves, presente no evento, o governador ainda ressaltou: “Eu quero agradecer muito essa orientação que Vossa Excelência tem levado aos municípios, às câmaras de vereadores e aos poderes constituídos. ”

Em sua fala, o conselheiro André Matos destacou a harmonia entre as instituições, o que contribui para o desenvolvimento do Estado. Reforçou, ainda, que a tarefa de órgão controlador do Tribunal de Contas, constitucionalmente assegurada, é tão importante quanto a de criar normas, papel típico do Poder Legislativo. 

A solenidade foi presidida pelo deputado Amélio Cayres e contou com a presença de autoridades dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário do Tocantins.

Na abertura dos trabalhos, o Secretário-Chefe da Casa Civil, Deocleciano Gomes, fez a leitura da mensagem do Governador, ato previsto pela Constituição Estadual. O documento contempla o resumo das ações e programas do governo de acordo com os setores atendidos pelo Estado.

Livro

Antes do início da Sessão, foi lançado o livro “Assembleia 35 anos”, que foi entregue aos parlamentares e autoridades convidadas durante encontro de boas-vindas que aconteceu na sala de reuniões da presidência. A obra é uma edição revisada, atualizada e ampliada da publicação feita há dez anos e inclui o registro da história da Aleto, desde a sua instalação, em 1989, com a criação do Estado do Tocantins, um ano antes.

*Com informações da Assembleia Legislativa do Tocantins 



FONTE

Comentários estão fechados.

Quer acompanhar
todas as notícias
em primeira mão?

Entre em um de nossos
grupos de WhatsApp