Comitê Gestor de Inovação (CGI) realiza reunião de alinhamento

[ad_1]

Integrantes do Comitê Gestor da Inovação (CGI) realizaram um encontro de alinhamento sobre as metas de inovação do Tribunal de Justiça do Tocantins, relacionadas ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e aos requisitos para o Prêmio CNJ de Qualidade. A reunião foi realizada nesta segunda-feira  (8/5).

O Comitê Gestor de Inovação (CGI) é responsável pelo aperfeiçoamento das ações do Laboratório de Inovação e dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável do Poder Judiciário do Tocantins (Intelectus-TO), instituído pela portaria nº 1862/2021 (TJTO). O Laboratório atua com o objetivo de aprimorar as atividades do Judiciário Tocantinense por meio da difusão da cultura de inovação, a partir da modernização de métodos e técnicas de desenvolvimento dos serviços judiciários, de forma coletiva e em parceria com atores externos.

Rede de engajamento
Vice-presidente do Tribunal de Justiça do Tocantins e presidente do Comitê Gestor de Inovação (CGI), a desembargadora  Ângela Prudente ressalta que a inovação promove um melhor atendimento ao usuário do Poder Judiciário, foco da atual gestão. “A filosofia da inovação ultrapassa as barreiras tecnológicas e cria formas de contato com os usuários direta e indiretamente envolvidos neste processo, tecendo uma rede de engajamento com os cidadãos na construção de soluções que fortalecem a confiança da sociedade na nossa instituição”.

Estiveram presentes no encontro: os juízes auxiliares da presidência, Rosa Maria Rodrigues Gazire Rossi e Roniclay Alves de Morais; a diretora geral, Ana Carina Mendes Souto; a diretora de Tecnologia da Informação (Dtinf), Alice Carla de Sousa Setubal; o coordenador de Gestão Estratégica, Estatística e Projetos (Coges),  João Ornato Benigno Brito;  a diretora executiva da Escola Superior da Magistratura Tocantinense (Esmat), Ana Beatriz de Oliveira Pretto; a servidora da Coordenadoria de Gestão Socioambiental e de Responsabilidade Social (Cogersa), Leila Jardim; e a assessora da desembargadora Ângela Prudente, Kamilla Prado e o servidor da Diretoria de Tecnologia da Informação (Dtinf),  Ângelo Stacciarini Seraphin.

[ad_2]

FONTE

Comentários estão fechados.