Dois são condenados a mais de 24 anos de prisão por latrocínio de mototaxista em Araguaína

[ad_1]

Lucas Pereira dos Santos e Vinícius de Oliveira Santos foram condenados a 24 anos, dois meses e 29 dias de prisão, em regime fechado, pelo crime de latrocínio cometido mediante emboscada (artigo 157, §3º, inciso II, do Código Penal) contra o mototaxista Roniel dos Santos Bezerra, 36 anos.

O crime foi praticado no dia 30 de março de 2023, por volta das 15h20, no Setor Araguaína Sul 2, no município araguainense. Pelas circunstâncias, o caso gerou bastante repercussão e comoção na cidade.

O crime teria contado ainda com a participação de um terceiro envolvido, que ainda não foi encontrado para ser citado. De acordo com a denúncia, por conhecer a vítima, André Pereira teria elaborado um plano para sequestrar Roniel Bezerra e roubar dele, mediante transferência bancária, a quantia de R$ 70 mil. Lucas e Vinícius receberiam parte desse valor.

Por meio de um aplicativo de mensagens, ainda segundo a denúncia, os três envolvidos teriam entrado em contato com a vítima, que trabalhava como mototaxista, e simulado um pedido de corrida. Ao dirigir-se até o local combinado, foi interceptado por um Corsa Hatch ocupado pelos acusados. 

A vítima foi rendida e teve seus pertences roubados, tendo sido atingida por disparos de arma de fogo, causando-lhe a morte. Após o crime, Lucas e Vinícius fugiram do local, levando a motocicleta, o aparelho celular e a carteira da vítima contendo dinheiro em espécie.

 

Julgamento

A sentença dos dois acusados do crime foi proferida no último dia 21 de março, na Comarca de Araguaína, tendo sido declarada pelo Juiz de Direito Antônio Dantas de Oliveira Júnior, da 2ª Vara Criminal da Comarca de Araguaína.

[ad_2]

FONTE

Comentários estão fechados.