Ministério da Saúde libera vacinação contra gripe para população com mais de seis meses de idade

[ad_1]

Medida passa a valer a partir dessa segunda-feira, 15, e aplicação dependerá da disponibilidade dos Estados e municípios

Tânia Rêgo/Agência Brasilvacina contra a Covid-19
No primeiro momento, grupos como idosos, gestantes e profissionais da saúde foram priorizados na fila pela vacinação

O Ministério da Saúde ampliou a vacinação contra a gripe para toda a população acima dos seis meses de idade. A medida passa a valer a partir desta segunda-feira, 15. A aplicação depende da disponibilidade de doses em cada Estado e município. Em todo o país, a campanha teve início no dia 10 de abril. Em um primeiro momento, foi direcionada a um grupo prioritário, composto por idosos, gestantes e profissionais da saúde. Agora a distribuição foi ampliada para maiores de seis meses, idade em que a vacina passa a ser recomendada. O imunizante adotado pela rede pública e disponibilizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS) é trivalente, protegendo de forma atualizada contra os tipos A e B do vírus influenza. A rede privada oferece a dose quadrivalente, que engloba uma segunda linhagem do tipo B. Até agora, na cidade de São Paulo, cerca de 1 milhão de doses foram distribuídas. Em nota, a prefeitura divulgou que a vacinação acontece em todas as Unidades Básicas de Saúde, com funcionamento de segunda à sexta-feira das 7h às 19h, e nas assistências médicas ambulatórias integradas, que atendem no mesmo horário aos sábados e feriados. Segundo o MS, o objetivo da medida é reduzir a incidência da doença respiratória, que pode levar à internações e até mesmo morte. A meta é vacinar 90% de cada um dos grupos prioritários.

*Com informações da repórter Letícia Miyamoto 



[ad_2]

FONTE

Comentários estão fechados.